Terapia Sexual: Como Apimentar a Relação

Falta de desejo sexual

Segundo pesquisas, o sexo é um obstáculo na vida de determinados casais. No passado, as mulheres sofreram grande repressão sexual. Muita das vezes, elas tinham relações sexuais com o intuito exclusivo de reprodução, e o orgasmo e o prazer da mulher inexistiam. Grande parte dessas mulheres apresentava baixos níveis de desejos sexuais. Assim, elas mantinham o casamento simplesmente devido à existência dos filhos e, ocasionalmente, em decorrência da própria cultura, que ia contra a separação. Até mesmo nos dias de hoje, o sexo ainda é um tabu dentro de alguns relacionamentos.

De fato, após o casamento, normalmente a frequência das atividades sexuais diminui. Isso ocorre porque, com o passar do tempo, a rotina pode se instalar, e com isso o processo da conquista pode acabar se perdendo. Enquanto namorado, o homem, por exemplo, usa perfumes, faz a barba e muitas outras coisas, inclusive do ponto de vista sexual, visando agradar sua parceira. A mulher também exibe este comportamento. Porém, em muitos casos, ao casar, ambos passam a acreditar que não precisam mais conquistar um ao outro. Por conseguinte, o desejo sexual diminui gradativamente.

Em uma pesquisa realizada em 2011, foi constatado que, para os homens, a prática da relação sexual se dá em 3,3 dias durante a semana, ou seja, praticamente em dias alternados durante a semana. Já a frequência da mulher não chega ao mesmo nível, pois muitas mulheres tem o desejo sexual em baixa, e algumas delas se sentem obrigadas a terem relações sexuais, apesar de não terem a mínima vontade de fazer sexo. Consequentemente, esse comportamento pode acabar gerando conflitos dentro do relacionamento, já que a maior parte de seus parceiros, querem ter relações sexuais. E é justamente aqui que aparece a terapia sexual, tratamento terapêutico para pessoas com disfunções sexuais.

Menopausa = fim da libido?

menopausa-falta-de-libido

Evidentemente, a parte hormonal da mulher muda durante a menopausa, mas é um mito afirmar que essa fase obrigatoriamente deve culminar no fim da vida sexual feminina. Afinal de contas, a mulher não perderá sua libido (desejo sexual) após a menopausa.

Dicas para apimentar a relação

Muitas mulheres se queixam que seus maridos são incompreensivos e não entendem o processo pelo qual elas estão passando. Porém, ao serem questionadas se conversaram sobre o assunto com os homens, as mulheres admitem que não o fizeram. O homem é incapaz de adivinhar o que está acontecendo. Logo, se a mulher não contar, ele jamais ficará sabendo. Portanto, a boa comunicação entre os parceiros deve ser a solução para o problema.

A importância das preliminares

Uma questão sobre a qual as mulheres costumam se queixar constantemente diz respeito às preliminares. A maioria dos homens é extremamente apressada em busca da penetração e se esquece de que a mulher precisa ser, de alguma forma, estimulada, uma vez que, para ela, a relação sexual está inserida em um contexto mais emocional. Muitas vezes o marido não agrada a parceira durante o dia e não efetua carinhos, mas à noite quer transar. Nestes casos, a mulher poderá não ter vontade de praticar atividade sexual porque seu aspecto emocional está em desequilíbrio.

A satisfação da vida sexual é uma questão subjetiva, e deve ser pautada na qualidade e não na quantidade. A mulher que não recebe preliminares, e que às vezes nem mesmo se preparou para receber o parceiro, consequentemente tende a não ter uma relação sexual com qualidade e assim ficar insatisfeita. Porém, evidentemente, não se pode generalizar, pois existem exceções e há mulheres que se identificam muito mais com as características masculinas do que com as femininas.

Produtos para apimentar a relação

produtos-eroticos

As mulheres cada vez mais tem manifestado seus desejos através de suas fantasias sexuais, um incrível recurso para intensificar o desejo sexual, e que contribui para a vida sexual do casal. Atualmente, existem milhares de sex shops espalhadas pelo Brasil, e o público consumidor de produtos eróticos vem aumentando cada vez mais. Os acessórios comercializados por essas lojas têm sido buscados por homens e mulheres com o intuito de apimentar sua relação. Assim, os variados produtos de sex shop (fantasias, camisolas, lingeries etc.) podem ser usados pelo casal como uma maneira de sair da rotina sexual.

Contudo, um produto sozinho não melhorará a vida sexual do casal. Primeiramente, é preciso saber o que está acontecendo com a relação. Se a mulher estiver, por exemplo, passando por problemas psicológicos associados ao ato sexual, não adiantará o homem presenteá-la com um brinquedo erótico, pois ela poderá não se sentir confortável em inserir esses acessórios na relação.

Leia o artigo a seguir para saber mais sobre a terapia de reposição de testosterona.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *